EMPRESAS

A história da FLORPINUS Indústria de Resinas começa no ano de 1978, quando, em Joaçaba, no estado de Santa Catarina, nasce a empresa Resisul Indústria Química S.A..

Primeiramente, a empresa destinava-se à compra e extração de produtos florestais, de óleos, resinas e outros produtos provenientes da extração, destilação e manufatura de madeira, e a industrialização e comercialização no Mercado Interno e Externo. Assim, deu-se o início da resinagem numa floresta, com 320.000 árvores, pertencente à empresa CAFMA, na cidade de Agudos em São Paulo. Depois disso, iniciou-se a extração em diversas áreas florestais, como, por exemplo, em várias pertencentes ao Instituto Florestal do Estado de São Paulo e também em outras áreas da CAFMA.

Em 1981, a empresa é vendida à empresa Companhia de Produtos Quimicos Bononia S.A, do Grupo Ultra, passando a se chamar Resisul Florestal Ltda e mudando sua sede para Itararé e, em seguida, para Itapeva, no estado de São Paulo.

Em 1995, a empresa passou a se chamar Ultraquímica Florestal Ltda. Após isso, no ano de 2000, a empresa portuguesa SOGEMA SGPS SA a comprou e passou a denominar-se Resisul Agroflorestal Ltda.

Em 2016, a Resisul Agroflorestal sofre mais uma alteração de controle acionário, vendo o nome ser alterado para FLORPINUS Indústria de Resinas Ltda em 2017.

A FLORPINUS Indústria de Resinas hoje possui uma unidade de limpeza de goma resina em Itapeva que processa 35.000 toneladas de resina por ano.

FLORPINUS Indústria de Resinas
< Voltar

VEJA TAMBÉM